floquinhos

sábado, 4 de abril de 2009

ESCREVER, PROLONGAR O TEMPO...


CLARICE LISPECTOR

Não posso escrever enquanto estou ansiosa ou espero soluções porque em tais períodos faço tudo para que as horas passem; e escrever é prolongar o tempo, é dividi-lo em partículas de segundos, dando a cada uma delas uma vida insubstituível.

10 comentários:

Daniel Costa disse...

Dulce

Bom, sou admirador do pensamento de Clarice Lispector! Há aqui uma intropecção interessante, para meditar!

Daniel

Dulce disse...

Daniel
Clarice, sempre muito lúcida, sempre deixando algo para se pensar.

Osvaldo disse...

Oi, Dulce;

Primeiro, as minhas desculpas pelo meu "desapaarecimento" mas o trabalho intenso da preparação das exposições de verão pouco tempo me têm deixado para passar.

Mas, claro, vou voltar atrás para dar seguimento ao teu livro e não perder pitada.

bjs
Osvaldo

Dulce disse...

Não há nada a desculpar, Osvaldo. Apareça quando puder, será sempre muito bem-vindo.
Beijos

Pico minha ilha disse...

Escrever assim não é viver...
Beijinho Dulce

Dulce disse...

Pico
Assim era Clarice...

Beijinho

Ana Martins disse...

Querida amiga,
um pensamento de profundeza tal, que antes de dizermos o que quer que seja, convem meditar.
Mas CLARICE LISPECTOR esteve realmente certa quando o escreveu, porque escrever é prolongar o tempo, e avivar a ânsia da espera!

Beijinhos,
Ana Martins

Dulce disse...

Ana, é isso mesmo. Um pensamento profundo, lúcido, verdadeiro, bem próprio de Clarice.
beijinhos

Uwish4 disse...

Nao podia estar mais de acordo. A quantidade de vezes que ja senti o quanto o tempo se arrasta e se preserva, quando escrevo, e se imprime como placa de metal, em minhas memorias.

Dulce disse...

Uwish4
Clarice Lispector foi um marco em nossa literatura, por seus pensamentos lúcidos, por sua coragem em dizer o que lhe ia n'alma.
Um abraço