floquinhos

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

A madrugada é sempre mais doce com poesia...


Além da Terra

Além da Terra, além do Céu
no trampolim do sem fim das estrelas,
No rastro da aurora,
na magnólia das nebulosas.
Além, muito além do Sistema Solar,
até onde alcançam o pensamento e o coração.
Vamos!
Vamos conjugar o verbo fundamental, essencial,
o verbo transcendente, acima das gramáticas,
e do medo, e das moedas, e da política,
o verbo sempreamar,
o verbo pluriamar,
razão de ser e de viver.

(Carlos Drummond de Andrade)

10 comentários:

Osvaldo disse...

Dulce;

Tenho vontade de acrescentar; "Caro professor, até onde o amor dos homens de boa-vontade, transportar a alegria de viver,... até ao infinito".

Obrigado professor Drummond, por tudo que nos ensinou.

Saudades do "pequeno Vadinho".

Obrigado Dulce por me permitir esta pequena introdução dedicada ao "meu professor".

Osvaldo

Dulce disse...

Osvaldo

Se para nós, Drummond foi o poeta brilhante e inspirador, para você ele foi muito além com seus ensinamentos e sua presença.
Poucos tiveram esse privilégio, o de conviver com ele, dividir com ele lembranças, momentos.
Gostaria de sugerir que o amigo abrisse um espaço no seu "Mau, Triste e feio" para partilhar conosco esses momentos especiais, para contar-nos como era conviver com essa lenda de nossa poesia, de nossa literatura, já que Drummond brilhou em prosa e verso.

beijos

Carlos Albuquerque disse...

Amiga Dulce!
Ali o nosso amigo Osvaldo é, como a Dulce diz, um privilegiado. Se ele aceitar seu desafio vou gostar de ir ao cantinho dele para ler.
Agora, Dulce,nõ é só a madrugada que é mais doce com a poesia, mas tudo, a começar pela vida. Diz o poeta que o mundo pula e avança sempre que um homem sonha. E não é a poesia um sonho-verdade que nos faz viajar pela espiral da vida?
BJS e abraço deste lado do mar

Fernanda disse...

Amiga querida,
Vamos lá, eu estou nessa :)))
Vamos amar todos os seres humanos, sobretudo os desprotegidos, os que mais necessitam, mas vamos também amar quem nos ama e ser felizes.

Lindo, como sempre, o poema que escolheu para hoje.

Beijos

Dulce disse...

Carlos Albuquerque

Pois passe lá pelo blog do Osvaldo, garanto que vai gostar. É um lugar muito especial onde se aprende sobre arte, história, tudo com lindas fotos.
Quanto a poesia, você está certíssimo.
beijos

Dulce disse...



Não há ninguem que mereca ser amado mais do que aquele que nos ama...
Vamos lá, então. rs...
beijos

elvira carvalho disse...

Apetece-me dizer. Conte comigo.
Um abraço

Dulce disse...

Elvira

Muito obrigada.
Beijos

Graça Tristão disse...

BOA NOITE!
Passeando pelos blogs amigos
te achei...temos amigas blogueiras em comum. Hoje mesmo postei um poema de Drummond é maravilhoso!
Estou te seguindo...te espero nos meus blogs. Vou aproveitar e "espiar" os outros blogs seus.
PAZ no seu caminho...
Graça

Dulce disse...

Graça Tristão

Boa noite, seja muito bem vinda.É um prazer recebe-la e vou sim ver seus blogs.
Tem razão, Drummond é mesmo maravilhoso e bom saber que vou encontrá-lo tambem no seu cantinho.
Paz pra você também, Graça, e uma linda noite.
bjs.