floquinhos

terça-feira, 2 de junho de 2009

Como as folhas levadas pelo vento...


(Clique na imagem para ver a beleza das cores do outono)


As folhas do outono

Ah, as cores do outono... O castanho, o dourado, o vinho, um verde esbranquiçado, outra ainda quase chegando ao branco... Cores amenas lembrando bem as cores que nos envolvem a alma no outono de nossas vidas... Cores suaves, doces, lembrando tranqüilos entardeceres, lembrando amenos amanheceres, lembrando uma paz que deveria sempre existir, mas que as vezes é quebrada por um encarnado que já até havíamos esquecido existir.
Assim, do nada, ousamos descobrir uma folhinha num tom vermelho vivo, reluzente, teimosa, que se agarra ao galho de sua árvore, lutando para não cair, para não ser levada pelos fortes e gelados ventos de fim de outono...
E, descoberta, essa folhinha traz um doce alento ao coração.
Mas é preciso cuidados redobrados para com ela, é preciso envolvê-la em muito carinho, cobri-la de ternura, para que seu tempo seja um pouquinho mais longo, porque ao cair, vencida pela realidade da estação, vai deixar em seu lugar um vazio ainda maior do que aquele que ficara com a queda gradual das outras folhas...

E lá no solo, entre as outras folhinhas, às quais irá se misturar pela ação do vento, toda prosa, passará os dias falando de como foi amada, de como foi cuidada, e de como está sendo chorada a sua ausência...
Ah!... A beleza das cores do outono que em folhas caídas palmilham os caminhos...
Ah!... A beleza de um doce caminhar sobre as folhas do outono da vida...


Dulce Costa
No outono do ano de dois mil e nove


4 comentários:

Pitanga Doce disse...

Dulce, como é que não te descobri a mais tempo?

O Outono é a minha estação preferida mesmo porque já a passei do outro lado do Atlântico e foi o melhor da minha vida. Cores de Outono são um regalo para os olhos.

bom dia Dulce

Dulce disse...

Pitanga Doce, bom dia

Pois não dizem que tudo tem sua hora certa para acontecer? Então... rs...

Essa fotos são do outono passado, tirei lá em Massachusetts, aonde minha filha mora. É indescritível de tão lindo...

bjs

Jorge Pimentel disse...

Um texto de um Junho que sabe bem num Setembro, quase Outubro de outro lugar, onde também há Outono.

Parabéns.
Jorge Pimentel

Dulce disse...

Jorge Pimentel

Sim, um outono pleno de cores e de belezas, um outono no outro hemisfério... mas outono, para mim, sempre é mágico...

Jorge, um prazer recebe-lo neste cantinho. Obrigada pela presença, obrigada pelo comentário.

Dulce