floquinhos

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

SENSIBILIDADE AO SOM DE ELVIS PRESLEY


Ah, que bem me faz ouvir a voz do Elvis entoando lindas baladas... Uma voz doce, forte, quente, que me envolve, que faz com que me volte para mim mesma, para um mergulho interior, que me predispõe a longas conversas com minha alma inquieta, atrevida, sonhadora, romântica, alma rebelde que nem sempre me permite serenidade, que por vezes faz-me esquecer de quantas décadas é feita esta minha caminhada, colocando em mim anseios e sonhos de quase menina...
Num dia desses, num e-mail, um amigo me disse que sabia quando eu estava mais sensível, porque nessas ocasiões eu sempre colocava músicas do Elvis em minhas páginas. Eu nem me dera conta disso, a escolha me parecia natural... Mas é pessoa atenta, conhece-me bem, tão bem a ponto de pelo simples fundo musical de meus trabalhos saber como anda minha alma...
E eu que imaginava que a voz do Elvis causasse em mim essas sensações acabei entendendo que é bem ao contrário, que quando me sinto mais fragilizada tendo a buscar um som que me chegue ao coração, que me dê certo aconchego, que acalme minha alma... E esse som é Elvis Presley.
Esta é uma das noites de Elvis... E sem dúvida alguma será uma madrugada de mergulhos dentro de mim mesma, de longas conversas com minha alma que neste momento está em total desassossego... Ainda bem que estou em casa, posso me refugiar na minha poltrona favorita, me enrodilhar no sofá, chegar ao terraço para olhar a noite, vagar pela casa se estiver insone, viver meu momento que, apesar de tudo, é doce, é um acalanto para meu coração...

Dulce Costa
São Psulo, 23 de janeiro de 2009

4 comentários:

aninejf disse...

Tem um presente pra vc no poesia expressao da alma vida e obra... beijos anine

Dulce disse...

Anine
Fico muito feliz e honrada com a escolha, que considero enorme insentivo para a continuação de meus escritos. Muitíssimo obrigada.
Bjs

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Ontem viajei do Porto para Lisboa e vim a ouvir o Elvis. Esta é uma das canções dele que me deixa com "pele de galinha" . Sabe o que significa a expressão?

Dulce disse...

Oi, Carlos
Pele de galinha? Não, não sei, mas suponho que seja "arrepiado" Acertei?
Essa canção é mesmo de arrepiar... rs