floquinhos

quarta-feira, 6 de maio de 2009

Paciência... Quem define?...


Não é fácil ter paciência diante dos que têm excesso de paciência.

(Carlos Drummond de Andrade)


10 comentários:

BEL disse...

Tanta verdade
Beijo
Bel

Dulce disse...

Bel,

não é mesmo?

Beijinhos

Isa disse...

Que bom termo-nos conhecido!
Sabe temos pontos em comum!
Estou a segui-la com ternura.
Beijo.
isa.

Dulce disse...

Isa,

muito obrigada... Que gentil!
Vamos aos poucos nos conhecendo, descobrindo pontos em comum, formando uma boa amizade...

Beijo

Dulce

ney disse...

Bem, paciência, eu diria que poderia ser definida como... Ah, espere, acho que não ficou bom esse "eu diria que poderia", ou se diz ou não diz, não é?
Mas, voltando ao assunto PACIÊNCIA, acho que é algo meio em falta nos nossos dias, principalmente no trânsito (eu sou um deles)... ARGH!
Acho melhor deixar o que foi dito pelo grande Drummond, aliás mineiro sabe tudo de paciência, e mesmo no Rio ele continua lá sentado no banquinho dele em Copacabana. E haja paciência que roubaram até os óculos de bronze da estátua dele.
Dias melhores virão, vamos ter paciência, e Drummond poderá continuar lá sentado pegando um solzinho, com novos óculos olhando a vida com poesia. ney/

Dulce disse...

Ney

A paciência é um dom que precisa ser exercitado dia após dia... E, na medida em que se vai envelhecendo - falo por mim - vai-se ficando mais e mais paciente para algumas coisas e absolutamente impaciente para com outras.
C'est la vie...

Andradarte disse...

Desculpe a intromição,mas não me contive, ao ler o seu comentário
ao post da Isa.Gostei.
Muito......
Beijos

Dulce disse...

Andradarte

Muitíssomo obrigada.
Você é muito bem-vindo. Venha sempre que puder, será um prazer recebê-lo.

Beijos

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Estou plenamente de acordo com o Carlos Drummond de Andrade e com a resposta que a Dulce deu ao Ney. Muitas vezes dou comigo a pensar sobre esse assunto.Mudamos mesmo com a idade, né?

Dulce disse...

Carlos

Mudamos sim, e como mudamos... em algumas para melhor, somos mais conectados com nossa vida interior, damos muito mais valor aos nossos sentimentos...
Mas a paciência precisa mesmo ser exercitada... rs...