floquinhos

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Mais um blog em recesso... Que pena!


Ah, meus amigos, algumas coisas me deixam triste, como por exemplo a quantidade de amigos daqui da blogosfera que estão resolvendo fazer uma pausa em seus blogs, segundo eles, temporariamente. Amigos que costumo ler diariamente e que vão deixando uma lacuna a cada afastamento. Alguns se dizem decepcionados, outros alegam mudança nos rumos de suas vidas, mas, de qualquer forma, eles se vão e espero que retornem o mais breve possivel.
Uma das coisas negativas desta nossa querida internet é exatamente isso. Amizades que começam e terminam num piscar de olhos, pessoas que passam a fazer parte de nossa vida diária, que nos aquecem com seu carinho, com sua sensibilidade, com sua lucidez, amigos que trocam idéias através de e-mails ou de qualquer site de relacionamento, de repente, somem, ou simplesmente passam a uma indiferença que faz dó. Tão efêmeras amizades!...
Claro que nem sempre é assim. Cultivo algumas amigas de há muito tempo, amigas conhecidas através da internet e que passaram a ser reais e fieis amigas, como a Mara, lá de Michigan, que conheci faz quase uma década, numa sala de bate-papo (no tempo em que essas salas eram mesmo para bate-papo). Por ocasião do falecimento de meu marido, há mais de sete anos, e numa das minhas viagens aos Estados Unidos para estar com minha filha e com meus netos, fui até East Lansing para conhecê-la pessoalmente, onde fui recebida por ela e pelo Jim, seu marido, com extrema gentileza, fui acolhida como pessoa da família e, no momento difícil que enfrentava então, fez uma enorme diferença. São pessoas maravilhosas, acolhedoras, amigas, mesmo. Uma amizade feita através da internet mas que se consolidou, para minha alegria. E poderia ainda citar algumas outras pessoas que se tornaram amigas, como a Ruth, a Delza, a Dulce Scalla, por exemplo, todas elas muito queridas.
Mas a que vem tudo isso? Ao fato de ter lido hoje uma mensagem de despedida da Graça Lacerda, do lindo blog "Os Botões de Madrepérola" que entra em recesso... Uma pena!... Mas ela promete voltar. Ainda bem, e espero que seja breve.

19 comentários:

Pitanga Doce disse...

É o que eu digo, Dulce! Onde estão indo as pessoas? Não demora e começa a dar eco na blogosfera.

beijos em Sol meio fraco.

Beta disse...

Sério?? Não creio!
Vou lá agora!!!

bj

Dulce disse...

Pitanga Doce

Eu não sei, minha amiga. Talvez elas se decepcionem, quem sabe. Porque, pelo que tenho notado, funciona assim: você monta um blog e, aos pouquinhos, as pessoas vão chegando. Atenta a essas presenças, você vai levando seu blog com carinho e, quando vé, tem mais de 100 seguidores, tem mais de 100 / 150 visitas diárias e um monte de comentários em seu post. Aí você fica feliz. E, de repente, mesmo que os seguidores continuem lá, fazendo número, as visitas diminuem, diminuem, diminuem, os comentários rareiam, enfim, parace que o blog perde a cor. É assim mesmo. Acho até que é cíclico, mas algumas pessoas acham que cansaram seus leitores, que estes acabaram se desinteressando e partiram... Na verdade, eles partem mesmo, afinal há tantas atraçoes na blogosfera... mas sempre surgem novos leitores, acho que seja assim mesmo que as coisas acontecem... Daí, alguns blogeuiros preferem dar um tempo, exatamente como no amor, quando ele esfria... Acha que é isso? Ou não?
Se não for isso, o que será que ocasiona essa debandada, além das pessoas irem sempre em busca de novas plagas?
Beijos / por aqui sol e muito frio.

Patti disse...

As motivações para a pausa de um blog podem ser muitíssimas, querida Dulce.
E nem todas estão relacionadas com o abandono e o esquecimento de amizade que por aqui se faz, e que apesar de muitas delas serem virtuais, são mais verdadeiras do que as do dia-a-dia.

O que também realmente se passa, é que a vida de hoje em dia engloba muitas coisas ao mesmo tempo: família, filhos, carreira, contratempos, outras experiências, novos voos até.
E muitos bloggers preferem fazer uma pausa ou até mesmo terminar o seu blog, antes que a coisa desmorone e perca qualidade.

A nossa vida sempre foi feita de mudanças, e hoje mais do que nunca, e isso muitas vezes implica fazer opções. O que não quer dizer, que essas opções quando são tomadas não nos custem.

Jamais ficaria com um blog (ou outra coisa qualquer) se me sentisse insatisfeita ou a não corresponder àquilo a que me propus quando o iniciei.

Temos pena de facto, que tal aconteça: agarramo-nos às pessoas, convivemos diariamente com elas, rimos, brincamos e emocionamo-nos, mas nada dura para sempre, infelizmente.

Agulheta disse...

Querida Dulce!Sempre que poder e me quiser por aqui virei de coração.Gosto imenso pela nobreza da alma,poesia que partilha,e pequenas coisas que a mim me dizem muito.Uma questão de criação,ganho afecto as pessoas mesmo sem conhecer pessoalmente,o caso.Sabe já conheci algumas amigas,foi recebida com carinho e elas na minha casa, desde que começei a andar por aqui na blogosfera,vai para tres anos,e vou continuar a fazer os meus posts como até aqui.Se os amigos gostam!Espero sempre uma palavra,porque quem escreve gosta de receber um olá,eu sei.Nada vale ter 100 ou mais seguidores,se eles nem por aqui vêm,só eles saberão da sua vida.
Amiga Dulce,sempre me verá por cá com muito carinho e amizade.
Beijinho de amizade bfs Lisa

Isa disse...

Dulce,minha Amiga de coração,eu sinto isso.E tenho lutado. Venho menos vezes,mas venho.
O médico disse para ñ estar tanto tempo.
Faço a vontade.
Mas,Deus meu como viver sem o carinho puro de vocês?
Beijo.
isa.

PS:Adoro você,a sua bondade,aceitação
e respeito pelos outros!

Dulce disse...

Beta

Uma pen, não é mesmo? Esperemos que retorne logo, para nossa alegria.
Beijos

Dulce disse...

Patti

Um comentário precioso, como tudo que escreve, aliás. Tem razão no que diz e acabo concordando com você. Nem sempre temos tempo ou condições para o tempo e a dedicação necessários ao bom andamento de um blog, e nem foi sobre isso que questionei. O que noto é mesmo um certo desencanto. Enfim, é como você mesma disse: - "agarramo-nos às pessoas, convivemos diariamente com elas, rimos, brincamos e emocionamo-nos, mas nada dura para sempre, infelizmente".
Beijos e muito obrigada.

Dulce disse...

Agulheta

E será sempre recebida com o coração aberto, com toda a amizade e muito carinho, Lisa.
Tenho acompanhado seu blog diariamente, por isso posso até comprovar suas palavras, minha amiga, sempre atenciosa e gentil, sempre presente nos espaços dos que têm o privileigio de contarem com sua amizade.
Beijos e muito obrigada.

Dulce disse...

Isa

Minha doce amiga, seris um momento triste e ficaria um imenso vazio na blogosfera se você se afastasse. Sua presença é uma aragem de carinho e amizade que vai nos dando a certeza de que vale a pena estar aqui.
Ainda que mais espaçada, sua presença é muito querida e necessária, viu?
Beijos e muito obrigada

Julio Cesar disse...

Oi Dulce querida, desculpe a ausencia em comentários por alguns dias, mas...tão ricos tem sidos os blogs acessados, inclusive o seu que é ler e mal da para comentar, alem de que, passo mais a ficar refletindo que outra coisa!rs...

Dulce, conheço os motivos da Graça, e...não só para nós, mas principalmente para ela, sempre muito justos. Como ficamos entristecidos mesmo... demais... mas... acredito na razão para tudo e se não há, que a façamos, e nesse caso, possamos refletir por esse periodo que esteve conosco e o o quanto dela nos acrescentou, sua marca, onde deixou? acho que cada um tem um canto diferente. Também vale para refletir sobre as pessoas que estão ao nosso lado, com que olhos as vemos e se estamos prontos para aceitar partidas, sejam de qualquer espécie. Crianças crescem...jovens casam...envelhecem...o mundo transforma-se e com isso, muito 'vai-se', e o bom é que 'muito chega'.
A Graça vai...o blog cristaliza-se, não impotente em continuarmos a abastece-lo com nossos comentários, nossas expressões de saudades, nossos votos, fazer da caixa de comentários do ultimo post uma maravilhosa arvore de natal, com cartões para que quando retornar, tenha muito de nós lá também...mesmo porque, mortais, não sabemos se estaremos por aqui/lá quando ela voltar. A vida é assim, centelha, faica...um filamento pronto a ser rompido sem préviio aviso. Irei preparar um post de convocação a essa ideia que surgiu enquanto escrevia aqui...o que achas? topas?

outra coisa, vi no resumo de blogs que o blog do emporio do café literario teve postagens no ultimo mes...mas...não consigo abrí-lo, dá erro, de blog inexistente...voce consegue abri-lo? é um espaço magnifico, que sinto não poder visualiza-lo mais...
um otimo final de semana, Dulce, um grande bj com mt carinho.
estamos em 'Londres', né...rs...

Lídia Borges disse...

É uma reflexão interessante, esta que hoje nos traz aqui. De facto acabamos por nos acostumar à troca de ideias e sentimentos, e esse facto cria aproximações que eu diria reais, ainda que neste contexto, o termo não se possa aplicar com muita precisão.
Também fico triste quando deparo com uma situação idêntica.

Um beijo

Ana Martins disse...

Boa noite Dulce,
compreendo bem a sua decepção, mas há momentos em que fazer uma pausa é inevitável. Não conheço o blogue desta sua amiga mas não deixo de achar triste o afastamento de um bloguer, dá a impressão que a família de que fazemos parte aqui na blogosfera está a diminuir.

Deixo um beijinho com votos de bom fim de semana,
Ana Martins

Mari Amorim disse...

Dulce querida,
já fiz várias vzs essa reflexão,mas entendo que muitas vzs,as pessoas sentem a necessidade de um tempo,pq neste mundo virtual é muito imperativo.Mas eu tenho uma grande amiga virtual que deu esse tempo,e felizmente voltou com as baterias recarregadas.
obrigada por deixar sua essência em meu espaço,querendo faça-o teu,interagir é o meu objetivo.
Os amigos nos comovem com carinhos.
Não medem esforços para nos ajudar;
Fazem de tudo, não nos deixam sozinhos.
Até em milagres nos fazem acreditar!
Boas energias sempre!
Mari Amorim

M. Lourdes disse...

Dulce
Tem toda a razão. É uma pena. Nós afeiçoamo-nos às pessoas e depois desiludimo-nos. Mas a Graça tem as suas razões. Além disso não fechou as portas, apenas fez uma pausa e voltará.
Beijinhos
Lourdes

Graça disse...

Oi, minha querida e doce amiga!!!

Vim justamente retribuir seu carinho para comigo nos Botões e o que vejo aqui? Uma bela de uma reflexão sobre os motivos que levam as pessoas a deixarem por um tempo seus blogs...

No meu caso, em especial, amiga, o Júlio disse bem, ele conhece minhas razões (que não deixei claras por não saber ainda se precisarei viajar para isto).

Meu atual esposo prepara-se para ser Pastor na igreja em que congregamos e eu (para minha felicidade!) estou tb me preparando para ser Missionária. Tudo isso implica em se reservar um tempo especial para orações, meditações e reflexões (que com esta correria gostosa e natural da net não conseguimos conciliar).

Li nas suas reflexões que à vezes pode ser 'desencanto' o que move as pessoas a deixarem seus blogs por uma temporada, o que graças a Deus não é o meu caso, fique tranquila. Só não comentei abertamente pq as coisas de Deus são assim mesmo, nem todos poderiam compreender a espiritualidade do momento que vivo, e reservei para explicar pessoalmente (rs) como faço agora para aqueles amigos tão próximos que realmente se preocupam com a gente, como você.

Li todos os coments aqui e concordo totalmente com a Patty, ela está correta. Os motivos são muito variados!
E como possuo duas escolas em que trabalho, casamento de meu filho esse ano, meu casamento tb, o tempo para os blogs tornou-se muito curto, e a qualidade poderia não ser a desejada, como os amigos tão bem merecem.

Enfim, amiga, é isso!

Sempre que puder, virei vê-la, e conforme afirmei nos blogs, vocês estarão comigo sempre, não duvide disto jamais!!!

Um grande beijo!
E obrigada pela sua amizade franca e sincera delicadeza.

Dulce disse...

Queridos amigos

Ao escrever este post, nada mais pretendia do que assinalar o quanto me entristecia a ausência de mais uma querida amiga, de mais um blog da qualidade do "Botões de Madrepérola", mas fiquei feliz demais com os comentários aqui deixados, comentários que enriqueceram sobremaneira o Prosa, opiniões que acato, que respeito, que apoio, aprovo, com as quais concordo. Estou muito feliz com as presenças e as palavras de cada um de vocês. Muito obrigada.

Julio César

Claro que, se for para "aninhar" o coração de uma amiga, pode contar comigo. Eu topo, sim, porque a Graça bem o merece.
Quanto ao Empório, imagino que também tenha sido encerrado, ou pelo menos entrou em recesso. Mas a Lu voltou a abrir o seu "Retratos em Degradé", o que nos deixa a esperança de vermos aberto, novamente, o Empório do Café Literário.

Lidia Borges

Assim é, minha amiga, sempre causa tristeza a ausência de um amigo, ainda que por apenas um tempo.

Ana Martins

Ah, amiga, eu nem diria decepção, porque sei bem que na vida tudo anda num vai e vem, mas sempre uma ponta de tristeza quando uma amiga se afasta, ainda mais que o Blog é de muita qualidade, voltado sempre para assuntos literários.

Mari Amorim

Imagino que seja esse o caso do blog em questão. Pelo menos ó o que a Graça nos esclarece no comentário que teve a gentileza de deixar aqui.

Lourdes

É verdade, amiga, é apenas uma ausência temporária, como o foi a de nosso querido amigo Osvaldo que voltou, para nossa alegria, com a mesma qualidade e beleza com que sempre nos presenteou.
Mas tenho visto tantas pessoas se afastarem... Lamento tanto quando pessoas que têm tanto a nos oferecer simplesmente se calam... Respeito seus motivos, entendo, mas não posso deixar de me sentir triste.

Graça

Entendi, minha querida amiga, assim que li o seu texto lá no "Botões" que seria uma ausência não definitiva, que estaria sempre por perto e que só poderia ser um motivo muito justo a leva-la a se ausentar de nosso convívio. Mas quis registrar aqui, além da tristeza que deixa em nós todos que somos seu leitores uma prolongada ausência, esse partir de tantos outros blogs Alguns até continuam abertos, mas vazios.
Claro que seu motivo é justo Justo até demais, e vejo que fez realmente a melhor escolha. Deus abençoe seus caminhos e sua familia e lembre-se que estamos todos sempre aqui a espera de noticias.
______________________

Beijos para todos vocês que tiveram a gentileza de deixar aqui seus comentários (maravilhosos) para esta postagem.
Tenham um ótimo final de semana.
OBRIGADA AMIGOS!

Patti disse...

São sempre de salutar debates deste tipo no nosso blogobairro, querida Dulce. Foi para isso que eu o criei :))))))))))))

Dulce disse...

Patti

Concordo totalmente com você, Patti, são sim salutares, afinal, a boa discussão abre o caminho para a luz, não é o que dizem?
E você nem imagina o quanto me sinto honrada em fazer parte do blogobairro, Patti. Muito, mesmo.
Beijos e obrigada.