floquinhos

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Meus Poetas do coração - Vinícius de Moraes


SONATA DO AMOR PERDIDO

Onde estão teus olhos – onde estão? – Oh, milagre de amor que escorres dos meus olhos!
Na água iluminada dos rios da lua eu os vi descendo e passando e fugindo
Iam como as estrelas da manhã. Vem, eu quero os teus olhos, meu amor!
A vida... sombras que vão e sombras que vêm vindo
O tempo... sombras de perto e sombras na distância – vem, o tempo quer a vida!
Onde ocultar minha dor se os teus olhos estão dormindo?

Onde está tua face? Eu a senti pousada sobre a aurora
Teu brando cortinado ao vento leve era como asas fremindo
Teu sopro tênue era como um pedido de silêncio – oh, a tua face iluminada!
Em mim, mãos se amargurando, olhos no céu olhando, ouvidos no ar ouvindo
Na minha face o orvalho da madrugada atroz, na minha boca o orvalho de teu nome!
Vem... os velhos lírios estão fanando, os lírios novos estão florindo...

13 comentários:

Graça Pereira disse...

Linda esta sonata, embora triste pela ausência do seu amor...Na minha face o orvalho da madrugada, na minha boca o orvalho do teu nome...Q a espera não seja infrutífera...os lírios estão florindo.
Um beijo e um bom fim de semana
Graça

Fernanda disse...

Querida amiga Dulce,

Vim só me desculpar por não ter tido tempo de fazer as minhas visitas habituais e ler tudo com calma.
Volatarei, prometo.

Beijos

Irene Moreira disse...

Saudoso Vinícius, ninguém melhor para falar de amor. . . sempre bom ler , reler e recordar sendo declamando na voz de Vinícius de Moraes de forma única e pessoal. Bjs

Dulce disse...

Graça

Vinicius sempre encanta porque sabe como ninguem enaltecer o amor e a mulher amada.
Bom final de semana para você também
Beijo

Dulce disse...

Irene

Vinícius criava, declamava, cantava... amor era dom natural no poetinha.
beijos

Daniel Costa disse...

Dulce

Não há dúvida, Vinícius de Morais, como poeta entra no coração de qualquer um.
A opção de o lembrar é sempre óptima. Adora ler ou reler o que nos legou escrito.
Beijos,
Daniel

Fernanda disse...

Dulce, minha amiga,

Como é lindo tudo o que Vinicius escrevia.
Lindo e triste, mas seguramente muito lindo.
Vinicius será eterno, só ele sabia falar de AMOR assim.

Beijos

Dulce disse...

Daniel

Sempre gosto de trazer Vinicius para adoçar este espaço com sua ternura, com seu jeito de falar de amor.
bjs.

Dulce disse...



Para falar de amor é preciso muito amar e isso Vinicius fazia. E como!
beijos

elvira carvalho disse...

Ah! Vinicius... como eu gosto de Vinicius.
Um abraço e bom fim de semana

Dulce disse...

Elvira

Gostamos ambas do poetinha, então.
beijos e bom final de semana

Agulheta disse...

Querida Dulce.Lindas as palavras de Vinicius,elas entram na alma.
Beijinho e bom fim de semana.
Lisa e um sorriso.

Dulce disse...

Agulheta

Lindas sim, Lisa e, exatamente como você diz, elas atravessam o coração e vão habitar a alma...
Obrigada pelo sorriso. A gente sempre precisa de um...
Lindo final de semana para você, também. / Beijos