floquinhos

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

MEUS POETAS DO CORAÇAO - Manuel Bandeira


DESENCANTO

Eu faço versos como quem chora
De desalento... de desencanto...
Fecha o meu livro, se por agora
Não tens motivo nenhum de pranto.

Meu verso é sangue. Volúpia ardente...
Tristeza esparsa... remorso vão...
Dói-me nas veias. Amargo e quente,
Cai, gota a gota, do coração.

E nestes versos de angústia rouca
Assim dos lábios a vida corre,
Deixando um acre sabor na boca.

- Eu faço versos como quem morre

11 comentários:

Lídia Borges disse...

Gostei muito deste poema.

Fui transportada até vozes como a de Mário de Sá Carneiro e outros poetas incontornáveis da nossa literatura.

Parabéns!

Dulce disse...

Lidia Borges

Muitissimo obrigada
Um abraço

heli disse...

Dulce.
Passei por aqui para te deixar um carinhoso abraço e adorei o poema que você escolheu para nos alegrar.
Tenha um belo dia!
bjs

Dulce disse...

Heli,

Bom dia.
É sempre bom recebe-la aqui.
Muito obriga

Beijos

pico minha ilha disse...

E como Manuel Bandeira com este Desencanto nos encanta com sua leitura.Beijinho grande amiga e obrigado

Dulce disse...

Pico Minha Ilha

Sou eu quem agradece, Salomé.
Muito obrigada!...
Beijinhos

AFRICA EM POESIA disse...

DUlce

Lindo este desencanto...

Um beijo

DOIS E DOIS


Eu sei que dois mais dois
São mesmo quatro
E que com pouco
Se consegue fazer muito


E com dois e dois
Eu faço vinte e dois
E sinto que aumentei
O sorriso do teu rosto


E então peguei em vinte e dois
E multipliquei-os, porque queria
Ver os olhos brilharem
Como fonte de energia


E novamente resolvi
Que dois mais dois são quatro...
Tão simples como a vida...
Tão simples com o teu olhar...


E afinal...
Dois e dois são mesmo quatro...


LILI LARANJO

Dulce disse...

Lili Laranjo

A isso chamanos um modo doce de se fazer contas...

Beijos

Lourdes disse...

Dulce
Que bonito é este poema de Manuel Bandeira.
Beijinhos e bom fim de semana.

Fernanda disse...

Querida amiga Dulce,

Lindo...um pouco triste demais, diria eu...talvez porque hoje me sinta muito feliz.

Beijinhos mil.

Dulce disse...



Sabe-la feliz me deixa felis também minha amiga.
Viva intensamente esse momento.
beijos