floquinhos

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

E o dia amanheceu em paz...

Toda aquela chuva que prometia despencar ontem ao anoitecer, certamente desabou em algum lugar da Grande São Paulo durante a noite, mas a manhã está radiosa, céu de um azul suave, uma fina névoa no ar que não impede que o sol doure lindamente os prédios ao longe.
Tanta paz pela manhã e tanta turbulência no final da tarde!... Assim tem sido a pasagem deste verão por aqui.

6 comentários:

Osvaldo disse...

Dulce;
O que me ficou na retina neste teu post, foi de rever São Paulo cidade onde tenho uma boa parte da familia e cidade que conheço bem.

Saudades não há tempestades que as vençam...

bjs, Dulce
Osvaldo

Anônimo disse...

Bom dia!
que lindo tudo, fico emocionado com tanto bom gosto,parabéns...

Vitor Chuva disse...

Olá Dulce!

Vejo que continua a olhar o mundo da sua varanda, relatando o caminhar dos dias numa atitude contemplativa, que certamente ajudará a encontrar a paz de espírito!

Boa semana. beijinhos.
Vitor

Dulce disse...

Osvaldo

Sim, é verdade!... Nem as tempestades vencem as saudades, pelo contrário, em dias de chuva é que elas ficam mais aguçadas.
E com temos tido dias de chuva por aqui, meu amigo.
Beijos, Osvaldo.

Dulce disse...

Anônimo

Que gentil! Muito obrigada.
Obrigada pela visita, pelas palavras. Pena que não tenha se identificado.
E seja muito bem vindo.

Dulce disse...

Vito Chuva

Assim é, Vitor. Uma atitude contemplativa diante da Natureza, realmente, me acalma, torna-me mais serena e meu caminhar fica mais fácil.