floquinhos

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Entre o sim e o não...

Amores-perfeitos, presente da Pitanga Doce... Lindos, não?

"Porque entre o sim e o não é só um sopro, entre o bom e o mau apenas um pensamento, entre a vida e a morte só um leve sacudir de panos - e a poeira do tempo, com todo o tempo que eu perdi, tudo recobre, tudo apaga, tudo torna simples e tão indiferente."

(Lya Luft)

6 comentários:

Pitanga Doce disse...

Tão lindos ficaram os amores-perfeitos aqui!

Quero acreditar que a poeira do tempo não apague o que de bom ficou. Talvez menos colorido,mas sempre há de ficar. Tem que ficar.

Olha, "lá" costuma-se dizer que entre o Sim e o Não está o Nim. :))

Boa tarde Dulce.

Dulce disse...

Pitanga Doce

O que foi bom permanece indelével, em forma de saudade, pelo menos para mim.

Pois!... mas o tal do Nim costuma ser tão complicado... rs...

Beijos, obrigada e linda tarde para você.

Paloma disse...

DULCE, gosto dos amores-perfeitos,
mas minhas flores prediletas são
as margaridas, singelas, mas encan-
tadoras.

Beijos

Dulce disse...

Paloma

Flores são uma das minhas paixões. Também gosto muito das margaridas, mas minhas favoritas são as rosas vermelhas.
Beijos e uma boa noite para você.

Catarina disse...

Todos os amores-perfeitos são lindos! Estes... porque os outros nada têm de perfeição! : )

Dulce disse...

Catarina,

Amores perfeitos são sempre os amores que não se realizam... Permanecem perfeitos no sonho, na imaginação.