floquinhos

domingo, 4 de julho de 2010

No Independense Day...

Hoje é Quatro de Julho, the Independence Day, dia de festas e dos tradicionais "barbecues" que reunem amigos e familiares, nos gramados e quintais das casas, dia das queimas de fogos de artifícios, de bandeiras tremulando orgulhosamente em todos os lugares... Normalmente a bandeira americana já faz parte da paisagem diaria, hasteada em muitas casas, em lojas e centros comerciais, rotineiramente. Mas nas datas festivas elas imperam em todos os cantos. E em algumas cidades podem-se assistir ruidosas paradas, com carros enfeitados, bandas e muita alegria. Hoje é dia para muita festa e muita comemoração, por aqui. E como este povo (como nós) gosta muito de um feriado e o Quatro de Julho cai num domingo, o feriado muda para a segunda-feira e pronto...

E, continuando com os passeios por aqui, convido-os hoje a caminharem, num doce final de tarde, por esta tranquila e bem cuidada rua.

(para verem melhor, é só clicar na imagem)


Nesta rua bonita, tranquila, bem cuidada, fica a casa que me acolhe...

Aqui está ela. No canto lateral direito vocês podem ver a entrada para o bosque. Ah, meus amigos, para quem mora em uma cidade como São Paulo (ainda que seja na região em que moro, que é bastante arborizada) tanto verde assim é de deslumbrar, mesmo... E tudo isso a quinze ou vinte minutos do centro de Boston, uma cidade fantástica, cultural, elegante, vibrante...

6 comentários:

Isa disse...

Linda mesmo!
Tanto verde! Que rua bem cuidada!
Tenho k enviar ao Presidente da Câmara de Lisboa...Cada buraco...
My God!
Feliz Dia 4 de Julho..
Em Roma,sê romano,minha Amiga tão querida.
Beijo.
isa.

Dulce disse...

Isa

Bom dia, querida amiga
Acho sempre bom viver os lugares em que nos encontramos para que, só assim, possamos conhece-lo de verdade. Não chegaria a ser "romana", mas... rs...
Beijos, obrigada e um lindo domingo para você.

Pitanga Doce disse...

Dulce (lá vou eu) quando vejo um lugar assim imagino logo um começo (ou recomeço de vida) quando os casais ainda se olham e falam e fazem parte desta paisagem e nem vêem quem está à volta. Nem no 4 de julho. hehehehe

É muito lindo isto tudo e achava que a mania dos feriados era só nossa.

Espera aí que já vou sair. É que o Emilio está cantando: "parece bolero dizer que não quero teus beijos nunca mais".

bom domingo e vou à praia (mania carioca)hehe

Dulce disse...

Pitanga Doce

Pois é, minha amiga, parece cenário de cinema, e no entanto, a vida acontece aqui igualzinha aos outros lugares, com encontros e desencontros, riso e lágrimas, amizades e inimizades, rancores e esperanças, igualzinho, mesmo, apesar de toda essa aparência de tranquilidade...
Boa praia, amiga!... Bom domingo.
Beijos

Paloma disse...

Dulce, cenário como este só vejo
nos filmes ou na minha imaginação
ao ler os livros de Nora Roberts,
Danielle Steel e outros. É lindo
demais! Quanto aos conflitos
existenciais, são os mesmos em
toda parte do mundo,independente
do cenário e do país,infelizmente.
Bom domingo e um abraço.

Dulce disse...

Paloma

De pleno acordo. O homem sempre tem seus problemas e conflitos, more onde morar, ocupe a posição que ocupar.
Obrigada, um abraço e um bom domingo para você também.