floquinhos

quinta-feira, 3 de março de 2011

Frutos nascendo no jardim?...


Uma das orquídeas de Dona Conceição

Nas cidades do interior, por mais que cresçam, que se modernizem, sempre acabamos por encontrar um lugar mais bucólico, sem os ares de cidade grande, preservado em seus costumes, onde todo mundo ainda se conhece, onde o Pároco da igreja ainda  conhece seus fiéis pelos nomes, onde a vida corre mais gostosamente. E aqui em Campinas não poderia ser diferente.
Digo isso porque no último domingo, de passagem pela casa de Dona Conceição, mãe de minha nora - que alguns dos amigos do Prosa já conhecem por uma postagem colocada faz um tempinho, mostrando suas lindas orquídeas - deparei-me com um pé de mamão, já carregado de frutos, no centro do pequeno jardim da casa, bem ao lado da jabuticabeira que, todo ano, generosamente oferece seus doces frutos... Ambos cercados de flores, uma lindeza. Mas não é só isso, não... Do lado de fora do portão, junto ao meio-fio, uma pitangueira se exibe toda faceira, enfeitando a rua...  Não resisti, fotografei e trago para os amigos do Prosa um pouco da tranquilidade e da beleza da vida longe do burburinho do centro da cidade.

E a Pitangueira vem especialmente para nossa querida amiga Pitanga Doce, porque ao me deparar com aquela graciosa árvore foi na Mila (do acolhedor blog Pitanga Doce) que pensei.....


 Procê, Pitanguinha!.


A jabuticabeira,,,


O pézinho de mamão que nasceu sem pedir licença...


E, generoso, oferece seus frutos aos moradores da casa.

14 comentários:

Adolfo Payés disse...

Siempre es un verdadero placer pasar por tu blog..
Por razones de tiempo en mi trabajo, estoy ausente..
Espero ponerme pronto a leer sus blog..

Un abrazo
Saludos fraternos...

Que disfruten del fin de semana..

Dulce disse...

Adolfo Payés

Muiyo obrigada.
Venha quando puder, será sempre muito bem recebido, meu amigo.
Beijos e um otimo final de semana para você

Paloma disse...

DULCE, que lugar encantador! Frutos
e flores, são o que há de mais belo
na natureza. Para quem vive numa ci
dade grande (e barulhenta) um lugar
assim nos faz um bem imenso.

Beijos

Pitanga Doce disse...

Ai que linda! A fantástica "Eugenia Uniflora", mas na intimidade, Pitangueira. As árvores são tão acolhedoras, não são? hehe Obrigada, Dulce. Só agora cheguei à casa vinda da Casa Ronald.

Beijos de boa noite para você!

Catarina disse...

Gosto muito de árvores de fruto e, evidentemente, gosto de apanhar a sua fruta.

Ana Martins disse...

Que bem me senti aqui Dulce!
Lindas fotos, as natureza é realmente maravilhosa.

Beijinho amigo,
Ana Martins

Dulce disse...

Paloma

E é tão bom colher a fruta diretamente do pé!... Tem outro sabor. Para mim, mistura=se aos sabores da infância quando passava férias no sitio de meus avós, ou de uns primos de meu pai... Que delícia!
Beijos

Dulce disse...

Pitanga Doce

Não tem problema, amiga... A pitangueira ficou quietinha, a sua espera... hehehehe... Mas não dava para não fazer uma pequenina homenagem a uma Pitanga tão amiga...
Beijos

Dulce disse...

Catarina

Ah, mas eu também gosto.. E muito!
Tenha uma boa noite

Dulce disse...

Ana Martins

É mesmo maravilhosa, Ana. E é tão bom poder desfrutar das delicias que ela nos oferece...
Beijos e uma boa noite.

Mari Amorim disse...

Dulce,
uma das coisas que mais gosto em minha casa,são essas espécies

Isa disse...

Boa noite,bem embalada por esta maravilhosa música e voz!
Que maravilha a Pitangueira!
Vergonha: ñ conhecia...
Beijo.
isa.

Dulce disse...

Mari Amorim

Você é uma privilegiada, Mari... Ter arvores frutíferas no pomar, no quintal ou mesmo no jardim, é uma delicia... Parabéns.
Beijos

Dulce disse...

Isa

Emilio Santiago tem uma voz muito linda. Também gosto muito dele.
Não é vergonha nenhuma, minha amiga. Essas frutinhas não são muito comuns nem mesmo no Brasil. São deliciosas.
Beijos e um bom final de semana para você.