floquinhos

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Uma inexplicável sensação de saudade...


Você já sentiu um pote inteirinho de uma saudade inexplicável, sem saber de que ou de quem, derramando-se sobre seu coração pelas notas de uma música? Uma música que não faça parte de nenhum momento, bom ou ruím, de sua vida, mas que ao envolver seu espírito faça você sentir vontade de chorar? Não? Pois eu já. Acredite, não tenho como explicar, mas é assim que eu me sinto sempre que ouço "One more kiss, dear" (Vangelis), da trilha musical de Blade Runner. Essa música me transporta não sei para quando, não sei para onde, mas me carrega na saudade... 
E hoje ela fica ai, como fundo músical do Prosa, porque é dia de saudade, de nostalgia...

18 comentários:

M. Lourdes disse...

Dulce
Eu sou uma chorona. Choro por tudo e por nada. Choro também com algumas músicas. Também não sei porquê e por vezes, acho-me até ridícula. Talvez seja mesmo a saudade tão intrínseca nos portugueses?
Beijinhos
Lourdes

Paloma disse...

DULCE, mais uma vez a música provo-
cando emoções.
Elisete Cardoso cantava uma linda
canção que dizia:¨saudade emoção
diferente, que aniquila a alma da
gente, uma dor que não sei de onde
vem¨

Beijos, com carinho

Isa disse...

Dulce,minha querida Amiga,entendo-a tão bem!
É isso mesmo!
Beijo.
isa.

Agulheta disse...

Querida amiga. As saudades não se definem com palavras,e pequenas coisas nos deixam assim,uma músico,um cheiro e tanta coisa que sentimos.
Um beijinho Dulce

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Às vezes também tenho dias em que certas músicas me provocam sensação idêntica
Beijinho

Luz da Lua disse...

Amiga Dulce,

Certas melodias, nos transportam realmente para o imaginário,inexplicávelmente nos sentimos bem, abraçando as tantas saudades que nos acompanham pela vida a fora.Pra ti um grande beijo, e acredita, só os bons, são capazes de sentir...

Dulce disse...

Lourdes

Pode ser, minha amiga, porque uma das coisas que mais gosto desta minha alma portuguesa é exatamente o saber sentir saudades...
Beijos e uma boa noite para você

Dulce disse...

Paloma

É uma linda canção e ficava ainda mais bonita na voz da Elizete. Lembro-me muito bem dela.
Beijos e uma boa noite.

Dulce disse...

Isa

Muito obrigada, querida amiga.
Beijos e uma boa noite para voce

Dulce disse...

Lisa

é verdade, minha amiga.
Beijo, obrigada e uma linda noite para você

Dulce disse...

Carlos Barbosa de Oliveira

Imagino que como nós, a maioria das pessoas tenha sua música especial, um perfume, talvez, que provoque essa saudade tão indefinida.
Beijo
Tenha uma boa noite, meu amigo.

Dulce disse...

Luz da Lua

Eu diria mesmo que, as almas mais sensíveis, os incuráveis sonhadores ou, ainda, os românticos inveterados, estariam talvez mais predispostos a tais sentimentos (inexplicáveis)...
Beijos, muito obrigada e um lindo dia para você.

Pitanga Doce disse...

Sim, querida Dulce, já senti esse pote cheinho de saudades. Quando ficava na varanda do oitavo andar a olhar os barcos no cais... sem saber de nada. Descobri quando fui ao encontro dos barcos. Devias fazer o mesmo. Sejam eles quais forem.

Lu Cavichioli disse...

Querida Dulce eu sou manteiga derretida e tem algumas musicas que afloram momentos de minha vida e aí já viu né? Chôro na certa rsrs... mas faz parte, alivia a alma.

Vc, como sempre, essa mulher incrível e sensível! Gosto imenso de vc!

Ah, dei uma bronca lá no Empório pra ver se o povo se toca e continua a história.

beijos amiga!
Lu C.

Dulce disse...

Pitanga Doce

Ah, minha amiga, é que meus barcos já partiram todos...

Beijos

Dulce disse...

Lu Cavichioli

Obrigada, menina... Fico toda prosa... rs...
Quanto ao Empório, estava pensando em mandar um e-mail para você a respeito, perguntando se, uma vez que quem começa o conto tem que terminá-lo, não seria hora do encerramento, ainda que sem continuidade... Que me diz? Termino?
Beijos, obrigada e boa tarde, minha amiga.

Lu Cavichioli disse...

Olá Dulce, vc teve uma ótima idéia, super aprovadíssima por mim.
Pode terminar: A NOIVA DO FIM DA RUA - um conto de DULCE COSTA!

Com todo prazer!

beijos minha querida e já estou ansiosa pra saber o encerramento. rs

Dulce disse...

Lu Cavichioli

Qual nada, Lu. O RR Barcelos deu uma continuidade muito instigante ao conto... Eu até já tinha prepara uma continuação, mas o caminha que a história tomou vai dar muito assunto, ainda. Mistérios no ar... Vamos ver quem continua agora... rs

Beijos