floquinhos

domingo, 23 de janeiro de 2011

Poesia para uma manhã fria...



CANÇÃO DO AMOR IMPREVISTO


Eu sou um homem fechado.
O mundo me tornou egoísta e mau.
E a minha poesia é um vício triste,
Desesperado e solitário
Que eu faço tudo por abafar.
Mas tu apareceste com a tua boca fresca de madrugada,
Com o teu passo leve,
Com esses teus cabelos...
E o homem taciturno ficou imóvel, sem compreender
nada, numa alegria atônita...
A súbita, a dolorosa alegria de um espantalho inútil
Aonde viessem pousar os passarinhos.

(Mario Quintana)

16 comentários:

Catarina disse...

Bom dia, Dulce, nesta manhã gelada mas com um lindo poema! : )

Isa disse...

Que boa companhia aqui vim encontrar: Você,a Música e o poema!
Que mais desejar!!!!
Beijo.
isa.

Daniel Costa disse...

Dulce

Nunta te esqueci e por vezes, conforme o tempo disponível revejo post's mais antigos e deparei-me com o teu poema de hoje de Mário Quintana, um poeta cuja poesia gosto. Confirmo a tua sensibilidade, e o título e a ilustração fazem muito sentido aqui em Lisboa, onde a tamperatura está nos dez graus.
Beijos

Vieira Calado disse...

Olhe, aqui está um frio de rachar.

Não neva...

mas não se pode sair de casa...

Beijinho

Pitanga Doce disse...

Amores imprevistos e quase sempre impossíveis, que modificam uma pessoa e uma vida.

Beijos, Dulce um pouco de calor para você.

Agulheta disse...

Nada melhor que relaxar ao som da música suave,lendo a bela poesia de Qintana,num dia de bastante frio por aqui,só mesmo em casa no quente.
Beijinho

Maria disse...

Amiga uma fotografia linda e um poema encantador.
Tenha uma semana plena de alegria, paz e harmonia.
beijinhos
Maria

Paloma disse...

DULCE, e tem os amores possíveis
que passam a ser impossíveis. Daí,
o inconformismo.
Amiga, esta temperatura altíssima,
de quase 40 graus, é de lascar.

Beijos e bom final de domingo.

Dulce disse...

Catarina

(Agora) boa noite, ainda gelada por aqui.
Beijos e obrigada

Dulce disse...

Isa

E fica muito melhor com a sua presença, minha amiga.
Beijos e uma linda noite para você

Dulce disse...

Daniel Costa

Sempre um prazer enorme quando o vejo por aqui, meu amigo. Muito obrigada pela lembrança e pela presença.
Aqui, um pouquinho mais frio. Ainda agora, ao entardecer, menos sete graus centigrados, num céu lindíssimo.
Beijos

Dulce disse...

Vieira Calado

Acho que, pior do que a neve, é o vento que chega cortante, parecendo penetrar na alma...
Beijo e boa noite para você

Dulce disse...

Pitanga Doce

Pois é, querida amiga, pois é!...

Obrigada pelo calorzinho. Valeu...
Beijos e uma linda noite para você

Dulce disse...

Agulheta

E que bem faz a alma estar-se no aconchego, no calorzinho da casa, junto dos nossos amores, quando o dia corre gelado la fora, não, amiga?
Beijos e uma ótima noite para você

Dulce disse...

Maria

Muito obrigada.
Fico feliz que tenha gostado.
Beijos e boa semana para você também

Dulce disse...

Paloma

Ah, minha amiga, aí fica mesmo difícil...
Por aí 40 graus, por aqui menos 20 graus... É de lascar dos dois lados, nos dois hemisférios... Que fazer?

Beijos e linda semana para você.