floquinhos

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Pelos caminhos de minha cidade...


Pois é, meus amigos, quando fico muito tempo longe de minha cidade, volto numa corujice só, com olhos de primeira vez, encantada com pequenas coisas, com paisagens cotidianas e até sem graça. Mas é o jeito de matar saudades desta incompreendida Sampa que, como toda cidade, detém tantos e tão controversos sentimentos sobre ela. Há os que a amam, há os que a odeiam, há os que a invejam. Só não há quem a ignore. Uns amam com razão e com motivo, outros amam porque aqui nasceram, porque aqui é seu ninho. E são bem variados também os motivos de quem a odeia. Uns igualmente com razão, pela vida triste e miserável que aqui levam, outros porque não conseguem entende-la, e outros ainda, sem nem mesmo conhecê-la, apenas por ouvirem dizer, apenas por uma questão de antipatia pessoal, ou até mesmo por "bairrismo", esse bichinho que rói-rói até sem motivo ou sem razão. Exatamente como acontece com todas as grandes cidades do Brasil, do mundo.
Mas, seja como for, cheguei com saudades e resolvi dar uma voltinha por ela e levar comigo os amigos que queiram me acompanhar nesse passeio. Vamos lá...


Cidade de mil faces, com bairros típicos como o da Liberdade, que abriga a colônia japonesa, com suas lojas, restaurantes, vida cultural. Aqui o Tori, portal de entrada para o bairro.

Uma das ruas de comércio do bairro, cuja iluminação é feita com lanternas típicas, o que dá um ar diferente, muito bonito ao lugar.


E agora, uma passadinha pela Vila Madalena, bairro cultural, com seus estúdios, ateliés de arte, lojas e restaurantes... Tem nome mais bonitinho para uma rua do que "Purpurina"? Fica logo ali, bem pertinho aqui de casa.

Agora vamos para a região da Paulista. Vocês pensavam que Bombril era só nome de esponja de aço com mil e uma utilidades? Nada disso. É também cinema de arte, alías um dos preferidos de minha neta.

E já que falamos em Avenida Paulista, vamos encerrar este pequeno giro por Sampa com as cores do entardecer na mais elegante das avenidas. Obrigada pela companhia e fica já o convite para outros passeios pelos meus caminhos, pelos caminhos de minha cidade.

6 comentários:

Beta disse...

Lindo lugar!!!
A mistura de São Paulo é fascinante!!

bj

Dulce disse...

Beta

Disse bem... Mistura. São tantos lugares num só lugar...
Beijos e um bom dia

M. Lourdes disse...

Olá Dulce
Adorei o passeio pela sua cidade.Como não a conheço, fico à espera da boleia para a próxima viagem.
Beijinhos.
Lourdes

Pitanga Doce disse...

Ó vergonha das vergonhas, mas só conheço São Paulo de passagem. Tem um quê de cidade europeia, principalmente no Inverno. Talvez pense num tour de fim de semana, "quando eu chegar".

"Alguma coisa acontece no meu coração
Que só quando cruza a Ipiranga e a avenida São João".

beijos e um bom dia, Dulce.

Dulce disse...

Lourdes

Pois será um imenso prazer leva-la comigo pelos caminhos de Sampa, ainda que em passeio virtual, minha amiga.
Beijos, obrigada e boa tarde.

Dulce disse...

Pitanga Doce

Vergonha nenhuma, minha amiga. Só espero que esse tour seja marcado quando eu estiver por aqui. Gostaria de recebe-la para um almoço, e muito bate papo.
Beijos e linda tarde para você.