floquinhos

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

E dezembro está batendo à porta...


Estes dias têm sido de correria, reorganizando a casa depois de tanto tempo fora, depois de tanto "bater rodinhas", mas finalmente as coisas começam a entrar nos eixos. Até já vesti a  casa para o Natal!... Pode até ser que seja muito cedo, mas assim fica instalado o clima de dezembro por aqui, com Papai Noel e tudo. Até a lista de presentes está praticamente pronta, embora na última hora sempre falte alguma coisa, sempre haja alguma troca, quem sabe? 

E a casa foi se vestido para o Natal...

A pequena vila foi tomando forma, sobre o aparador...

e, como sempre, vai encantar os kids...

Houve um tempo, antes da era "internet", em que eu reservava um tempão para compra, preenchimento e envio de lindos cartões de Natal para os amigos e os amores. Era uma delícia postar e receber tantas mensagens escritas de próprio punho, trazendo cada uma um pouquinho de quem as escrevera.  Como agora os votos seguem por e-mail, ou mesmo via  "redes sociais", o número de cartões indo e vindo pelos correios, aqui em casa, é bem pequeno, mas ainda assim carinhosamente enviados e recebidos. Recebidos e colocados na nossa árvore de Natal, enchendo-a de vida, amizade, carinho...

No hall de entrada, o vermelho dá o tom


Assim, entre as cores e as flores da decoração natalina, vamos aguardando a chegada de dezembro.

16 comentários:

isa disse...

E está tudo tão lindo!
Já comecei,lentamente a enfeitar a minha casa.
Já fiz p Presépio,a pequenina Árvore de Natal no Hall,etc.
Está linda a sua casa!
Beijo.
isa.

Pitanga Doce disse...

Ainda não fiz nada. Em outros anos, por essa época, já tinha cheiro de Natal no ar. Ontem cheguei à varanda e vi, num prédio ao longe, a primeira iluminação do bairro. Não posso impedi-lo de vir...mas vai ser muito difícil.

Linda a tua casa, Dulce. Esta lareira, usa-se?

Dulce disse...

Isa

Obrigada, minha amiga... Na verdade, ela está com um jeito mais alegre, pelas cores que a decoração de Natal empresta a cada canto. Mas apesar disso tudo, nestes últimos anos, paira sempre um que de nostalgia e muita saudade no ar por esta época.
Beijos e um bom dia.

Dulce disse...

Pitanga Doce

Mas entende-se isso perfeitamente, minha amiga. A ausência de seu pai faz toda a diferença, não é? O ânimo, por aqui, também não é dos melhores. No entanto é preciso sorrir e ir em frente, viver cada momento que sempre é único, espalhar em torno de nós um pouco da magia que vai iluminar as lembranças dos que amamos, não é mesmo? Pois, Pitanguinha, monte sua árvore, seu presépio, ilumine seu terraço, enfeite a porta de entrada, e vai ver como o Espírito de Natal começa a iluminar sua alma...

Sim, a lareira é usada. Não muito, porque nem temos tanto frio por aqui, ainda mais que os aquecedores modernos são muito mais eficientes, mas vale o charme da madeira queimando, o ar de aconchego...
E, se há um jantar especial e não há necessidade de uma fonte de calor, limpo-a bem e nela acendo muitas velas, daquelas maiores, e fica lindo... Mas as festas andam muito escassas por cá, amiga...E, quer saber? o bom mesmo é poder ter um lugarzinho para colocar as meias lindas, a rena, as flores e as cores do Natal... rs...

Beijos, bom dia pra você.

Pitanga Doce disse...

Também eu enfeitava minha lareira, você sabe onde. Guirlandas, meias, azevinho autêntico...Apesar dos aquecedores, sempre acendíamos a lareira nessa época. A lenha de pinho tem um cheiro delicioso e para ela "pegar", usávamos pinhas que eram um charme, de tão perfeitas.

Bom dia, Dulce. Lá fora, Sol!

Dulce disse...

Pitanga Doce

Como deve ser lindo um Natal assim, em Portugal, minha amiga... Quanta saudade, não? Mas ainda virão outros Natais lindamente vividos por lá, Pitanguinhs, muitos e muitos outros, você vai ver..

Por aqui, lindo dia de primavera, céu azul de brigadeiro, lindo, lindo...

Beijos e bom final de semana

Idanhense sonhadora disse...

Dulce ,muito bonita a sua decoração de Natal. Eu também começava a fazê-la sempre cedo ,mas este ano ainda não tive ânimo .Sabe , a tradição da minha terra é que se faça dia 8 , dia em que chegam os madeiros ...Mas aqui em Lisboa é quando cada um tem vontade .....Esta ,este ano é pouca , mesmo as ruas não têm qualquer tipo de ornamentação .Enfim , que o Menino Jesus nos acuda ,,,,
Beijinhos
Quina

Paloma disse...

DULCE, creio ser este o Natal mais triste de minha vida. Por uma série de problemas familiares,não consigo participar dos preparativos natalinos. Quisera poder me isolar no dia 24 e só retornar em Janeiro. Ou, melhor, não retornar.
Desculpe,amiga, o meu baixo astral,mas está dificil avançar.
Gostei muito de toda a decoração de Natal, que voce idealizou.
Beijos,com carinho

Victor Gil disse...

Pois é amiga Dulce.
O tempo voa. E quando chega o Natal, nos apercebemos que passou mais um ano. Mas é sempre com a mesma energia que fazemos os preparativos, sem descurar quase nada. Não há crise que nos faça mudar a maneira de ver o Natal. Aí como aqui, as ideias são quase as mesmas. Afinal somos irmãos né?
Meu beijo e meu carinho de sempre.
Victor Gil

Dulce disse...

Idanhense Sonhadora

Pois é. Quina, por aqui também a decoração faz-se ao gosto das pessoas, com a proximidade das Festas de fim de ano e, a cada ano, parece que vai se fazendo mais cedo. Talvez a vontade de se entrar numa época mais bonita, quem sabe? Afinal nosso povo enfrenta tantos problemas no seu dia a dia, que até se entende isso...

Amém! E que o Menino Deus" nos abençoe, a todos.

Beijos

Dulce disse...

Paloma

Qualquer pessoa que passe por problemas familiares graves, minha amiga, fica travada com relação a esta (ou qualquer outra) festa. É bem normal essa sua reação. É, portanto, compreensível esse seu baixo astral, Paloma. Mas só não se deixe vencer por ele, por favor. Procure superar e lembre-se que o tempo é o senhor de todas as coisas, de todas as causas, e que ele sempre leva consigo o que nos aflige.
Fique bem, minha amiga.

Beijos

Dulce disse...

Victor Gil

Sim, somos mesmo... Afinal, aí em seu Portugal estão plantadas as nossas raízes.
A magia desta época do ano envolve a cada um de nós, dando-nos esperanças e trazendo consigo o Espírito do Natal; consegue ainda, fazer o mundo um pouco melhor, consegue que , por momentos que seja, possamos nos esquecer das mazelas e dos sofrimentos que vagam pelo mundo a fora...
Por isso tudo temos aqui um tempo muito especial a cada ano.

Beijos, obrigada e um bom final de semana.

piedadevieira disse...

Tudo está ficando com o espírito natalino, muito lindo.
beijos

Beth/Lilás disse...

Parabéns, Dulce, como está linda sua casa!
Eu ainda não me animei este ano, estou muito down com certos acontecimentos, mas espero aquecer aos poucos o coração para este grande dia.
E, querida, seu blog não atualizou pra mim esses dias, por isso estou aqui atrasada. Apareça também.
bjs cariocas

Dulce disse...

Piedade Vieira

Lindo, sim! Uma época de magia.

Beijos e um bom dia para você.

Dulce disse...

Beth/Lilás

Lamento saber, Beth, e espero, sinceramente que essa fase passe depressa e que você volte a sentir-se "up" logo, logo, que este tempo de Natal sorria para você, minha amiga.

Na verdade, andei uns dias meio esquecida dos blogs, atarefada com corriqueiras tarefas domésticas, das quais já estava até meio desacostumada... rs... Mas aos poucos vou colocando tudo em dia, na casa, no blog.

Beijos e um bom dia para você.