floquinhos

sábado, 21 de maio de 2011

Uma canção de Cecília Meireles...



Não sou a das águas vista
nem a dos homens amada;
nem a que sonhava o artista
em cujas mãos fui formada.


Quando o tempo em seu abraço
quebra meu corpo, e tem pena,
quanto mais me despedaço,
mais fico inteira e serena.
Por meu dom divino, faço
tudo a que Deus me condena.


Da virtude de estar quieta
componho o meu movimento.
Por indireta e direta,
perturbo estrelas e vento.
Sou a passagem da seta
e a seta, - em cada momento.


Não digas aos que encontrares
que fui conhecida tua.
Quando houve nos largos mares
desenho certo de rua?
E de teres visto luares,
que ousarás contar da lua?


(Cecília Meireles)

10 comentários:

isa disse...

Belo Poema de Cecília tão bem acompanhado por esta maravilhosa melodia!
Beijo.
isa.

Dulce disse...

Isa

Bom dia, querida amiga...
Beijos, obrigada e um lindo final de semana para você.

Agulheta disse...

Boa noite amiga Dulce.Tenho alturas ausente mas sempre volto aos blogs que gosto.Adoro ler Cecília a beleza da poesia ao som de uma bela melodia.
Beijinho bfs

isa disse...

E volto,ainda a tempo de lhe dar o
ABRAÇO!
Amigo,Sincero,Carinhoso.
A Dulce está no meu coração.
Beijo.
isa.

Dulce disse...

Agulheta

Boa noite, minha amiga. Sempre é tão bom quando chega, Lisa. É sempre muito bem vinda, viu? Obrigada por vir.
beijo e um bom domingo para você.

Dulce disse...

Usa

coisa tão boa, amiga. Obrigada e um grande e afetuoso abraço pra você, também. O bem querer é recíproco, viu, Isa? Você é uma pessoa muito especial.
Beijos

Beth/Lilás disse...

Dulce!
A poesia de Cecília Meireles é de uma delicadeza e suavidade, boa para terminar a noite. adorei!
beijos cariocas

Maria Teresa disse...

Dulce:
Nada como ser seta e a passagem da seta, nada como abraçar a plenitude e nos inundar de sonhos e de musicalidade.
Beijos

Dulce disse...

Beth/Lilás

De acordo, minha amiga... Deve-se, sempre que possível, terminar a noite com suavidade...
Beijos, obrigada e um bom dia.

Dulce disse...

Maria Teresa

E nada como a sensibilidade de um poeta para nos falar sobre isso... Por isso gosto tanto de Cecília.
Beijos, obrigada e um lindo dia para você.