floquinhos

quinta-feira, 10 de maio de 2012

Deslumbramento diante de um ponto-e-vírgula.


"Quando completei quinze anos, meu compenetrado padrinho me escreveu uma carta muito, muito séria: tinha até ponto-e-vírgula! Nunca fiquei tão impressionado na vida."

(Mario Quintana)


Pois é! E desde então é ele que vem impressionando os leitores com suas cartas, seus poemas, seus escritos, mesmo que não contenham nenhum ponto-e-vírgula.
Maravilhoso Quintana!

14 comentários:

Paloma disse...

DULCE, só agora me dei conta de que ninguém usa mais ponto e virgula. Nem me lembro mais para que servia. É, acho que ficou mesmo no passado!

Beijos.

elvira carvalho disse...

Eu também fico maravilhada com uma pontução bem feita coisa com que não atino. Mas como bem diz Quintana maravilha mesmo que não utilize pontuação.
Um abraço

Pitanga Doce disse...

Ah, sutil Quintana! Bem humorado, Quintana. Intenso, Quintana.

"Tão bom morrer de amor e continuar vivendo"!

Pra quê ponto e vírgula?

Boa noite, Dulce!

Dulce disse...

Paloma

Pois é, amiga, nosso idioma anda meio mutilado, mas continua belo. Sabe que até fui rever as regrinhas do uso do ponto-e-vírgula? hehehehe

Beijos e uma boa noite para você

Dulce disse...

Elvira Carvalho

Também gosto muito de um texto bem pontuado, mas a escrita anda hoje tão livre (o que lamento)...

Um abraço e um boa noite.

Dulce disse...

Pitanga Doce

Sei não, menina!... Mas os poetas costumavam usá-lo.
E, aqui pra nós e sem que ninguém nos leia, eu gosto bem do ponto-e-virgula e, vez por outra, me atrevo a usá-lo, muito timidamente, temendo errar.

Aqui na antiga terra das andorinhas, dias de sol, noites quase frias e muito sossego...

Beijos e uma boa noite para você também.

isa disse...

Bom dia,Dulce!
Amei o texto.
Até há escritores - Saramago,por ex-
que nem usam pontuação...
Feliz Dia da Mãe.
Beijo.
isa.

Andradarte disse...

E o valter hugo mãe, escreve tudo com pontuação e sem maiusculas...???!!!!
A verdade é que sendo bom o autor....tudo se lê e se compreende..

Dulce disse...

Isa

É verdade, minha amiga. E nem se percebe, ao le-lo, que não há pontuação.

Beijos e uma boa tarde para você.

Dulce disse...

Andradarte

Concordo plenamente com você.

Abraço e uma boa tarde para você.

Maria Teresa disse...

Dulce:
as regras às vezes constrangem, mas têm sua razão de existir. No entanto, essas mesmas regras, diante de um texto do Quintana, ficam de lado, olhando de boca aberta e de queixo caído tanta doçura que sai do papel e vai direto para o coração do leitor.
Beijos

Dulce disse...

Maria Teresa

coisa mais bonita essa forma como você definiu Quintana, Maria Teresa!

/beijos e uma boa noite

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

O ponto e vírgula caiu de tal modo em desuso, que tenho dificuldade em saber exactamente quando o devo usar, Dulce.
Bom fds

Dulce disse...

Carlos Barbosa de Oliveira

Se meu amigo, com tanto tempo de jornalismo de boa qualidade, faz essa afirmação, aí sim é que se deve pensar bem antes de despejar um ponto-e-virgula num texto!

Beijo e bom final de semana para você, Carlos.