floquinhos

domingo, 7 de agosto de 2011

Chove... Chove... Chove!...


A chuva chegou pela madrugada e foi caindo, caindo, molhando o bosque, os jardins, encharcando a cidade que, toda cinza, bota um certo ar de tristeza na alma... Lembranças de tantos domingos cinzentos como este vão se achegando e vão envolvendo a alma que hoje se sente só, despertando saudades, sentimentos... Bons e doces sentimentos, uns, tristes e melancólicos, outros, pois a vida é feita de momentos, bons e maus momentos, que acabam por definir nossos caminhos, nosso rumo. E sempre surgem inúteis questionamentos sobre como seriam esses caminhos se o rumo tivesse sido outro, diferente ou contrário.
E a chuva bate na vidraça, escorre pelos telhados, afugentando os pássaros que a esta hora costumam vir brincar junto a janela, chilrear a alegria de serem livres, de fazerem parte da natureza. A chuva continua caindo, prendendo em suas casas as crianças das casas vizinhas que poderiam estar andando de bicicleta, jogando bola nos gramados, curtindo o verão, cantando a vida... 
Chove, chove, chove... E essa mesma chuva que tanto me encanta, hoje, inexplicavelmente, me entristece... 

14 comentários:

Paloma disse...

DULCE, é exatamente o que acontece com a gente.Tantas e muitas vezes me pego perguntando como os caminhos teriam sido diferentes se tivesse tomado outro rumo.Quem dera pudesse voltar atrás e refazer tudo.
O título do texto,fez lembrar a musica do Jorge Ben, que começava assim: ¨chove chuva, chove sem parar...¨
Beijos e um bom domingo,apesar da
melancolica chuva.

Pitanga Doce disse...

Aqui o Sol brilha, mas a vida está da cor do teu dia.

O teu cenário, janela afora, é dos mais lindos e também me traz lembranças contraditórias.

beijos Dulce. É domingo e é Agosto. Que fazer, não é???

Dulce disse...

Paloma

O pior, minha amiga, é que tenho quase certeza que, diante do momento, das circunstâncias, faríamos tudo exatamente igual...
Beijos, obrigada e um bom final de domingo

Dulce disse...

Pitanga Doce

Pois é, minha amiga... É domingo, é agosto e ontem não só o Alexander fez aniversário... A avó dele também ficou mais velha... Mas preferiu nem pensar nisso, porque é agosto, e já não há mais agostos como os de antigamente... Dá para entender, não dá?

Beijos

Gilmara Wolkartt disse...

Ei Dulce!
Adorei o post! Escreves uma tristeza linda de se ler!
Os dias tristes passam e um dia o sol brilha.
Te desejo um ótimo domingo!
Gd beijo

Dulce disse...

Gilmara Wolkartt

É exatamente a esperança nos dias de sol que torna nosso caminhar mais sereno...
Beijos e um ótimo final de domingo para você

BESANA.(Isabel/María) disse...

Hola Dulce, bonitas y reflexivas palabras las tuyas.

Un abrazo desde la España.
Isabel

Pitanga Doce disse...

Se dá para entender? Eu que o diga!

De todo o jeito te desejo uma alegria suave, como tem de ser. Se é que me entendes...

Dulce disse...

Besana

Obrigada, Isabel, um abraço e uma ótima semana para você.

Dulce disse...

Pitanga Doce

Entendo, minha amiga... Entendo.
Beijos e boa semana para você.

MeandYou disse...

Ora, Dulce querida, não fique assim, pelo contrário, mesmo com dias chuvosos lembre-se que você ainda brilha nesta vida, pelo menos para aqueles que te amam e consideram muito.
À propósito, parabéns pra você, tudo de bom nesta vida e muita força e luz.
beijos cariocas

Dulce disse...

Beth/Lilás

Obrigada, Beth. Sabe que faz muito bem receber esse carinho e essa amizade que chegam com suas palavras, não sabe? Muito obrigada, mesmo.
Beijos e uma linda noite para você.

Pitanga Doce disse...

Dulce, fiquei preocupada com a nossa Isa. Não sabia que era assim "à sério" como ela mesma diz.
Vamos fazer uma linha de bons pensamentos para ela.

beijos e aqui muuito sol.

Dulce disse...

Pitanga Doce

Também estou bastante preocupada com ela. Vamos sim fazer uma corrente de bons pensamentos para ela.
Beijos