floquinhos

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Como funciona - O Beijo


O beijo é uma das mais doces demonstrações de afeto entre as pessoas. Desde o nascimento, quando recebemos o primeiro beijo dos lábios de nossa mãe, ao dia final de nossas vidas, quando depositam em nossa testa o derradeiro beijo, milhões de beijos nos premiam com carinho, amizade, amor e, às vezes, com fingimento, interesse, falsidade... 


Mas já nos perguntamos porque o hábito do beijo está instituído na humanidade? Seria ele instintivo ou, simplesmente cultural, social? O que teria levado o ser humano a esse delicado hábito de beijar? Pois hoje, lendo os jornais na internet, deparei-me com um artigo bem interessante a esse respeito, onde o autor diz que: 
- "Os historiadores não sabem muito sobre a história inicial do beijo. Quatro textos em Sânscrito Védico escritos na Índia por volta de 1500 a.C., parecem descrever pessoas se beijando. Isso não significa que ninguém tenha se beijado antes, nem que os indianos tenham sido os primeiros a se beijarem. Os artistas e escritores podem ter considerado o beijo particular demais para ser descrito na arte ou literatura."


(O Beijo - Gustav Klimt)

E vai por ai a fora, num artigo escrito por Tracy V Wilson, publicado no site do UOL Notícias de ontem, extraído por sua vez de "Como tudo funciona" (HowStuffWorks). 
Achei bastante curioso, interessante essa matéria que fala sobre esse hábito citando os romanos, que tinham três tipos de beijo, os índios, que não beijam, demonstrando seu afeto de outra maneira e citando como exemplo os índios Krahó, quando a mulher pinta o corpo do marido de urucum e carvão, tira-lhe os piolhos do cabelo, tira-lhe os cílios e as sombrancelhas e que, ao cair da tarde o casal estende uma esteira no chão, fora de casa e ficam sentados sobre ela fumando ou conversando... e vai por aí a fora.

(Catar piolhos, uma demonstração de amor...)

Para quem tiver interesse em ler mais sobre o assunto, aqui fica o link.

6 comentários:

Beth/Lilás disse...

Hummmmmmmmmmm, eu sou meio beijoqueira e gosto de beijinhos, mas sinceros sabe!
Interessante a forma deste povo indígena se expressar carinhosamente.
bjs cariocas sinceros

Paloma disse...

O beijo, em quaisquer circunstâncias, sempre reflete um gesto de carinho.

Beijos

elvira carvalho disse...

Não sou muito de beijos. Gosto mais de abraço. Mas o texto está muito interessante.
Um abraço

Dulce disse...

Beth/Lilás

Ah, mas beijo só é bom mesmo se for sincero...
Sabe que por aqui, também, não se vê muita demonstração de amor em público? Só entre os adolescentes, mas mesmo assim, poucas vezes... Os adultos são bem contidos. Não se vê casais de mãos dadas, nem caminhando abraçados como vemos por ai. E é tão bom andar de mão dada!...
Beijos e uma boa noite para você.

Dulce disse...

Paloma

É verdade!
Tão bom receber beijo de quem se quer bem...

Beijos e boa noite para você.

Dulce disse...

Elvira Carvalho

Ah, tambem sou doidinha por um abraço... rs... Mas não dispenso o beijo de quem quero bem.

Um abraço e uma boa noite para você.