floquinhos

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Cecília Meireles, suavíssima...

(No crepúsculo de São Paulo, sem o cantar dos galos, os sonhos também vão chegando, frágeis, leves como espuma...)

Suavíssima


Os galos cantam, no crepúsculo dormente...
No céu de outono, anda um langor final de pluma
Que se desfaz por entre os dedos, vagamente...


Os galos cantam, no crepúsculo dormente
Tudo se apaga, e se evapora, e perde, e esfuma...


Fica-se longe, quase morta, como ausente...
Sem ter certeza de ninguém... de coisa alguma...
Tem-se a impressão de estar bem doente, muito doente,


De um mal sem dor, que não se saiba, nem resuma...
E os galos cantam, no crepúsculo dormente...


E os galos cantam, no crepúsculo dormente...
A alma das flores, suave e tácita, perfuma
A solitude nebulosa e irreal do ambiente...


Os galos cantam no crepúsculo dormente...
Tão para lá... No fim da tarde... Além da bruma...


E silenciosos, como alguém que se acostuma
A caminhar sobre penumbras, mansamente,
Meus sonhos surgem frágeis, leves como espuma...


Põem-se a tecer frases de amor, uma por uma...
E os galos cantam no crepúsculo dormente...


(Cecília Meireles)

10 comentários:

elvira carvalho disse...

Que maravilha chegar aqui e encontrar a "nossa" Cecília. Até dá vontade de nem sair daqui.
Minha querida amiga estou de volta aos vossos cantinhos.
Um abraço e um bom ano

Dulce disse...

Elvira Carvalho

Um enorme prazer vê-la por aqui, minha amiga. Obrigada por sua visita.E se quiser ficar, a casa é sua, viu?

Beijos e uma boa noite para você.

Idanhense sonhadora disse...

Lindo , o poema de Cecília Meireles ...
Bem-haja por nô-lo ter recordado.
Beijo
Quina

Graça Pereira disse...

Gosto da sensibilidade de Cecília Meireles e , neste poema, ela é fabulosa.
Tambem gosto do cantar do galo,embora hoje, me traga uma certa nostalgia.
Beijo e boms fds.
Graça

isa disse...

Que maravilha este Poema.
Ñ conhecia.
Bela escolha,como sempre.
Beijo.
isa.

Pitanga Doce disse...

Dulce, você está bem? Ou como eu, está à procura de "amores perfeitos"?

Aqui, céu de Brigadeiro.

Dulce disse...

Idenhense Sonhadora

Obrigada, minha amiga.
Um beijo pra você e um bom domingo

Dulce disse...

Graça Pereira

Pois é, minha amiga, as casas já não tem quintais e os quintais, se houver, já não tem mais galos...

Beijos e um lindo domingo para você

Dulce disse...

Isa

Obrigada, querida amiga, e um beijo para você tembém.

E um lindo domingo...

Dulce disse...

Pitanga Doce

Pois é, minha amiga, ando mesmo à procura de amores-perfeitos, mas... Cadê que tem??? rs...

Estou bem, sim, Pitanguinha, muito obrigada. Uma hora dessas ponho a vida em ordem, viu?... rs

Beijos e um maravilhoso domingo com muito sol e praia para você, pois por aqui acho que tem mesmo é chuva...