floquinhos

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Um recadinho para o meu amor......



Oi, meu amor. 

Se você ainda estivesse aqui conosco, estaríamos em festa. Afinal, você faria 81 aninhos... E teríamos um almoço com seu prato predileto - aquela bacalhoada, um bom vinho português e muitos mimos de todos nós que o amamos... Quiz a vida que assim não fosse. Então, aonde quer que você habite hoje, receba meu carinho e minha eterna saudade.
É muita saudade, viu? Onze anos de ausência e de doces lembranças. Lágrimas? Bem, nem sempre consigo evitá-las, mas já não são amargas, são todas gotas de saudade... Sabe, meu amado,  não há um só dia em que não falemos de você, de sua alegria de viver, de sua infinita curiosidade por tudo, mas tudo mesmo, o que o levava a uma constante e imensa busca através de seus livros; suas histórias e seus "causos" são sempre relembrados com muito riso,.. Você é sempre citado com muita admiração, como exemplo, como um homem muito especial.  Nossas "crianças" têm um profundo orgulho do pai que tiveram e eu agradeço sempre a Deus por ter compartilhado de sua vida, por ter trilhado um longo caminho a seu lado. Ficou o vazio? Não! Ficou o exemplo de vida e coragem, ficou a eterna presença na difícil ausência...
Se você ainda estivesse aqui, diríamos: Feliz Aniversário! Mas só posso dizer: Que Deus o tenha em Suas mãos. meu amado Bira.

6 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Fiquei comovida com seu post.
deixo um abraço

Dulce disse...

Obrigada, Elvira. Um grande abraço para para você também e um Feliz Ano Novo para você junto a toda a sua família.

João Videira Santos disse...

Quando as palavras rasgam o silêncio da alma e o amor acende a luz da saudade, é a lembrança que preenche o vazio da ausência...

ValCruz disse...

Ai, agora eu fiquei emocionada! Sua linda. Eu desejo que Deus tenha lido teus pensamentos no momento em que estavas escrevendo esse recadinho e, permitido que teu Bira desse uma olhadela em ti.

Meu carinho de sempre!


ps.: você está linda na foto do perfil.

Dulce disse...

João Videira Santos

A sensibilidade de sempre marca este seu comentário, João...

Dulce disse...

ValCruz

Ah, minha linda!... Amém.

Olhos de amiga tem sempre um jeito só seu de enxergar, nè? rs... Fiquei toda Prosa... hehehehe... Obrigada.
Beijos